O verdadeiro sentido do Natal

Atualizado: Mar 2


Isaías 9.2 e 6: “O povo que andava em trevas viu grande luz, e aos que viviam na região da sombra da morte, resplandeceu-lhes a luz. Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz...”

João 3.16: “Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna."

O Natal é uma festa cheia de tradições. É marcado pelas luzes que iluminam a cidade, a troca de presentes, as árvores decoradas, as miniaturas de presépios, o despertar do espírito solidário e personagens carismáticos, como o Papai Noel e suas renas. Mas o seu maior objetivo, que muitas vezes é ignorado, é a celebração do nascimento de Jesus Cristo, o Filho de Deus, que deu início ao plano de redenção já anunciado no livro de Gênesis.

Para compreendermos melhor o verdadeiro sentido do Natal, o programa Escola de Profetas, da Rede Gospel de Televisão, preparou um estudo detalhado. Acompanhe a seguir:



Redação

7 visualizações

Posts recentes

Ver tudo