top of page

“Esta situação não é para entender, é para crer!”

Atualizado: 24 de abr. de 2023


Neste sábado (22), a Renascer Arena ficou lotada de mulheres que vieram de várias regiões do país para participar do segundo dia da Conferência Internacional +QV, que celebrou os 10 anos de história do projeto Mais que Vencedoras.


A manhã começou a animada, com a Bateria Salmos 150 e o Coral +QV que juntamente com o Renascer Praise apresentou uma versão exclusiva da música “Smile”, do cantor gospel Kirk Franklin, que marcou as lives transformadoras e inspiradoras que a Bispa Fernanda Hernandes realizou durante a pandemia.



Na sequência, o Apóstolo Estevam Hernandes abriu o primeiro período do dia com uma oração de consagração.

Dando continuidade à imersão espiritual, a líder e fundadora do projeto Mais que Vencedoras, Bispa Fê Hernandes, trouxe uma palavra de cura e libertação.


Acompanhe, a seguir, o resumo:


João 11.1 a 45: Um homem chamado Lázaro estava doente. Ele era de Betânia, da aldeia de Maria e de sua irmã Marta. Esta Maria, cujo irmão Lázaro estava doente, era a mesma que ungiu o Senhor com perfume e lhe enxugou os pés com os seus cabelos. Por isso, as irmãs de Lázaro mandaram dizer a Jesus: — Aquele que o Senhor ama está doente. Ao receber a notícia, Jesus disse: — Essa doença não é para morte, mas para a glória de Deus, a fim de que o Filho de Deus seja glorificado por meio dela.


Ora, Jesus amava Marta e a irmã dela, e também Lázaro. Quando soube que Lázaro estava doente, ainda se demorou dois dias no lugar onde estava. Depois, disse aos seus discípulos: — Vamos outra vez para a Judeia. Os discípulos disseram: — Mestre, ainda há pouco os judeus queriam apedrejá-lo! E o senhor quer voltar para lá? Jesus respondeu: — Não é verdade que o dia tem doze horas? Se alguém andar de dia, não tropeça, porque vê a luz deste mundo. Mas, se andar de noite, tropeça, porque nele não há luz.


Tendo dito isso, acrescentou: — Nosso amigo Lázaro adormeceu, mas vou para despertá-lo. Então os discípulos disseram: — Senhor, se dorme, estará salvo. Jesus falava da morte de Lázaro, mas eles pensavam que tivesse falado do repouso do sono. Então Jesus lhes disse claramente: — Lázaro morreu. Por causa de vocês me alegro de que não estivesse lá, para que vocês possam crer. Mas vamos até ele. Então Tomé, chamado Dídimo, disse aos outros discípulos: — Vamos também nós para morrer com o Mestre!


Quando Jesus chegou, encontrou Lázaro já sepultado havia quatro dias. Ora, Betânia ficava a mais ou menos três quilômetros de Jerusalém. Muitos dos judeus vieram visitar Marta e Maria, a fim de consolá-las por causa do irmão. Marta, quando soube que Jesus estava chegando, foi encontrar-se com ele; Maria, porém, ficou sentada em casa. Então Marta disse a Jesus: — Se o Senhor estivesse aqui, o meu irmão não teria morrido. Mas também sei que, mesmo agora, tudo o que o senhor pedir a Deus, ele concederá. Jesus disse a ela: — O seu irmão há de ressurgir.


Ao que Marta respondeu: — Eu sei que ele há de ressurgir na ressurreição, no último dia. Então Jesus declarou: — Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá. E todo o que vive e crê em mim não morrerá eternamente.Você crê nisto? Marta respondeu: — Sim, Senhor! Eu creio que o senhor é o Cristo, o Filho de Deus que devia vir ao mundo. Depois de dizer isto, Marta foi chamar Maria, a sua irmã, e lhe disse em particular: — O Mestre chegou e está chamando você.


Quando Maria ouviu isso, levantou-se depressa e foi até ele, pois Jesus ainda não tinha entrado na aldeia, mas permanecia onde Marta o havia encontrado. Os judeus que estavam com Maria em casa e a consolavam, vendo-a levantar-se depressa e sair, seguiram-na, pensando que ela ia ao túmulo para chorar. Quando Maria chegou ao lugar onde Jesus estava, ao vê-lo, lançou-se aos seus pés, dizendo: — Se o Senhor estivesse aqui, o meu irmão não teria morrido. Quando Jesus viu que ela chorava, e que os judeus que a acompanhavam também choravam, agitou-se no espírito e se comoveu.


E perguntou: — Onde vocês o puseram? Eles responderam: — Senhor, venha ver! Jesus chorou. Então os judeus disseram: — Vejam o quanto ele o amava. Mas alguns disseram: — Será que ele, que abriu os olhos ao cego, não podia fazer com que Lázaro não morresse? Jesus, agitando-se novamente em si mesmo, foi até o túmulo, que era uma gruta em cuja entrada tinham colocado uma pedra. Então Jesus ordenou: — Tirem a pedra. Marta, irmã do falecido, disse a Jesus: — Senhor, já cheira mal, porque está morto há quatro dias.


Jesus respondeu: — Eu não disse a você que, se cresse, veria a glória de Deus? Então tiraram a pedra. E Jesus, levantando os olhos para o céu, disse: — Pai, graças te dou porque me ouviste. Eu sei que sempre me ouves, mas falei isso por causa da multidão presente, para que creiam que tu me enviaste. E, depois de dizer isso, clamou em alta voz: — Lázaro, venha para fora! Aquele que tinha morrido saiu, tendo os pés e as mãos amarrados com ataduras e o rosto envolto num lenço. Então Jesus lhes ordenou: — Desamarrem-no e deixem que ele vá. Muitos dos judeus que tinham vindo visitar Maria, vendo o que Jesus havia feito, creram nele.

Deus, muitas vezes, fala conosco, mas não conseguimos ouvir com clareza e entender, pois estamos muito envolvidas com o medo, com nossas decepções, com nossos questionamentos, com nossa falta de esperança, pois já encaramos as situações como definitivas.


A realidade de Lázaro era a morte, mas a promessa era a ressurreição. E por que Jesus escolheu justamente Betânia para realizar aquele milagre? Pois era um local de vergonha, de esquecimento... Ali, naquela aldeia, havia muitas pessoas pobres e enfermas.


Guarde isso:


Deus escolhe o lugar da nossa vergonha para nos dar dupla honra!


Além de realizar, aquele milagre, Jesus ensinou cinco princípios espirituais profundos:

1º Deus não quer só que tenhamos experiências com Ele, mas que tenhamos um relacionamento com Ele


Jesus não é religião, é relacionamento!


A casa da família de Lázaro se tornou um local diferenciado, pois era o lugar que Jesus frequentava.


Eu profetizo que sua casa será um lugar diferenciado, não por causa do bairro que você mora, mas porque Jesus está lá.


2º A fé traz à existência os planos de Deus


Jesus disse: “Se tu creres, tu verás a glória de Deus!”


Guarde isso:


Deus não conversa com nossa necessidade, mas com a nossa fé!


3º Para Deus, não haverá impossíveis em Suas promessas


Jesus era amigo de Lázaro, amigo de frequentar a casa e de se hospedar lá...


E, justamente, no momento em que Lázaro estava doente e aquela família mais precisava, Jesus simplesmente não apareceu.


Fico imaginando os questionamentos: “Que amigo é esse que deixa o outro morrer? Que amigo é esse que chega dias depois do velório?”


Todas nós temos um Lázaro na nossa vida. Todas nós temos situações que precisam de uma ressurreição e que por mais que a gente se esforce nada muda.


Às vezes, estamos como Marta e Maria: nos sentindo impotente e insuficientes. De repente, deixamos de crer, porque crer e não viver dói demais.


Jesus, naquele momento, estava desafiando a fé deles.


Às vezes, cremos até um certo limite: Eu creio que Deus pode curar uma enfermidade! Eu creio que Deus pode me deixar mais feliz! Eu creio que Deus pode enxugar minhas lágrimas. Mas eu não creio que Ele pode ressuscitar alguém que está há quatro dias morto!


Jesus está convidando cada uma de vocês para entrar em uma outra dimensão de fé!

4º Precisamos aprender a esperar e a lidar com os “nãos” de Deus


João 11.6: [Ele] permaneceu realmente dois dias no lugar onde estava.


Deus não nos dá nada fora do tempo!


Quem não sabe esperar aborta o milagre!


A espera não é para o nosso desespero, mas para o nosso preparo!


Como estará sua fé na hora do milagre? Como estará sua esperança na hora do milagre?


Nunca espere reclamando, nunca espere falando contra, nunca espere semeando dúvidas, nunca espere alimentando a desconfiança...


Guarde isso:


Tudo acontecerá no tempo e do jeito de Deus.


Não existe evangelho sem cruz, mas o fim não será a morte!


Deus não quer que você se enxergue como está agora, mas em quem Ele quer te tornar.


E os “nãos” definitivos? Não são para a sua destruição, mas para o seu desenvolvimento!


Deus não vai te poupar da dor, mas vai te poupar da morte eterna!


Não procure encontrar o amor de Deus nas circunstâncias, mas no seu relacionamento com ele. Não importa o que está acontecendo, Ele te ama e Ele está com você!


Eu não sei quanto tempo você está esperando. Mas eu tenho esta certeza: Deus está amadurecendo a sua fé!


Lamentações 3.26: Portanto, é bom esperar em silêncio pela salvação do SENHOR.


5º Tudo coopera para nosso bem


Isaías 55:8 e 9: Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.


As circunstâncias podem mudar, mas Deus não muda. Os princípios d’Ele não mudam.


Esta situação não é para entender, é para crer!


Em vez de fechar as portas com sua boca, abra caminhos para a manifestação do milagre!


Guarde isso:


Deus não erra! Deus não se engana! Deus não se atrasa! Deus sabe o que faz!


Maria, em meio àquela dor e incompreensão se ajoelhou na presença de Jesus e O adorou.


Jesus chorou com ela, a curou e a libertou.


Mostre para Jesus aonde está sua dor! Mostre aonde você enterrou seus sonhos! Mostre aonde você enterrou o seu chamado!


O que a morte tirou de você? A alegria? A esperança? A paz?


Não importa quanto tempo faz... Não importa se você colocou uma pedra em cima... Não importa se você tem vergonha de mostrar...


Leve Jesus para este lugar


Há três ordens que Ele deu quando ressuscitou Lázaro, e Ele fala hoje para nós:

1º REMOVA A PEDRA!


Tirar a pedra é ouvir e obedecer a voz de Deus mesmo quando não entendamos!


Quando ouvir a voz de Deus, não questione, obedeça!


Tire do seu caminho o que te faz chorar, o que te faz tropeçar... Faça isso profeticamente!


Volte a crer!


Quando voltamos a crer, Deus tira as pedras de tropeço do nosso caminho!


2º SAI PARA FORA!


Saia desta dor! Saia deste vício! Saia desta mágoa! Saia desta depressão!


Transforme este ambiente de sofrimento no seu altar de adoração a Deus!


Mais Deus tem para te dar, do que o diabo te roubou!


3º DESATE-O E DEIXE-O IR!


Lázaro não conseguia se desatar sozinho!


Deus te trouxe para cá para te ajudarmos neste processo de libertação!


O que você não podia, Deus poderá através de você!


Você é livre! Todas as sentenças foram quebradas! A morte foi vencida pelo poder da ressurreição!


Daqui sairão mulheres que vão gerar filhos para Deus!


Muitas voltarão na próxima conferência com o seu milagre nos braços!


O encerramento do culto foi marcado por um grande mover de cura e libertação e testemunhos surpreendentes.








Redação

Fotos: Pedro Flausino, Juan Fernandes, Giuliana Deko e Roberto Castineiras

Comentários


bottom of page