top of page

Acompanhe aqui as bênção profetizadas para setembro

Atualizado: 5 de set. de 2022

Neste sábado (03), durante a Ceia de Oficiais de setembro, o Apóstolo Estevam Hernandes ministrou a oferta de renúncia que preserva o que é mais importante para nós.

A oferta de renúncia que preserva o que é mais importante para nós:


1 Reis 3.16 ao 27: Então duas prostitutas foram falar com o rei Salomão. Apresentaram-se diante dele e uma das mulheres disse: — Ah! Meu senhor, eu e esta mulher moramos na mesma casa, onde dei à luz um filho. No terceiro dia, depois do meu parto, também esta mulher teve um filho. Estávamos juntas. Não havia nenhuma outra pessoa conosco na casa; somente nós duas estávamos ali. De noite, o filho desta mulher morreu, porque ela se deitou sobre ele.


Ela levantou-se no meio da noite e, enquanto esta sua serva dormia, tirou o meu filho, que estava do meu lado, e o pôs na cama dela; depois colocou o filho dela, morto, nos meus braços. Quando eu me levantei de madrugada para dar de mamar ao meu filho, eis que ele estava morto. Porém, quando reparei nele pela manhã, eis que não era o filho que eu tinha dado à luz. Então a outra mulher disse: — Não! O que está vivo é o meu filho; o seu é o que está morto. Porém a primeira mulher respondeu: — Não! O que está morto é o seu filho; o meu é o que está vivo. E assim elas falaram diante do rei.


Então o rei Salomão disse: — Esta diz: "O que está vivo é o meu filho, e o seu filho é o que está morto"; e a outra responde: "Não, o que está morto é o seu filho, e o meu filho é o que está vivo." E o rei continuou: — Tragam-me uma espada. E trouxeram uma espada diante do rei. Então o rei disse: — Cortem o menino que está vivo em duas partes e deem metade a uma e metade a outra.


Então se aguçou o amor materno da mulher cujo filho estava vivo e ela disse ao rei: — Ah! Meu senhor, deem a ela o menino vivo! Não o matem de jeito nenhum! Porém a outra dizia: — Ele não será nem meu nem seu. Podem cortá-lo ao meio! Então o rei disse: — Entreguem o menino vivo à primeira mulher. Não o matem. Ela é a mãe do menino.


Deus deu uma sabedoria infinita para Salomão para que ele descobrisse quem era a mãe verdadeira daquele menino, já que não havia testemunhas.


A segunda mulher estava disposta a entregar o filho e a passar por aquela injustiça para não vê-lo morto.


Quem ama não tem limites na sua entrega! Quem ama está disposto a entregar o que mais importa para preservar o que é sagrado, assim como aquela mãe fez.


Sabe quem tinha este coração? Davi:


2 Samuel 24.24: ... não oferecerei ao SENHOR, meu Deus, sacrifícios que não me custem nada.


Hoje, infelizmente, é muito comum ver pessoas que só entregam o que sobra.


Precisamos ter consciência de que o dízimo é o nosso compromisso de cumprir o que está na Palavra. Não podemos administrar o que é do Senhor. Há pessoas que, infelizmente, agem como a primeira mulher da história: se apropriam daquilo que é sagrado.


Guarde isso:


Quando eu entrego por amor não sou roubado e nem subtraído, mas, assim como a segunda mãe, recebo a justiça e a honra do rei!


Para finalizar, o Apóstolo ministrou as 12 bênçãos do mês de setembro:

1- Deus vai reverter situações financeiras que estavam se acumulando. Você vai terminar o ano sem pendências;


2- Deus vai trazer à existência o que não existe. A cada dia deste mês, o Senhor te dará provisão e livramento;


3- Cura de enfermidades físicas e emocionais;


4- Restituição de empregos e posições em honra (10 vezes mais);


5- Portas de novos empregos se abrirão com salários dobrados e benefícios nunca antes recebidos;


6- Muitos serão sorteados em consórcios e em prêmios que trarão suprimentos sobrenaturais;


7- Compras de terrenos e de casas de maneira sobrenatural;


8- Perdão e descontos de dívidas em até 90%;


9- Setembro será o maior mês de liberações e vendas;


10- Liberação de bolsas de estudos integrais e estágios remunerados no Brasil e no exterior;


11- A história da sua vida profissional e financeira será mudada;


12- Viveremos o melhor mês de setembro de nossas vidas. As receitas extras serão maiores do que as receitas principais.



Redação

Comentarios


bottom of page