O medo enxerga o que é bom de uma maneira ruim

Atualizado: há 5 dias


Neste sábado (09), aconteceu o Encontro Mensal de Mulheres Mais que Vencedoras (+QV), o ministério feminino da Igreja Renascer em Cristo. O tema deste mês foi: “A Vitória Sobre o Poder do Medo”.

Com transmissão ao vivo do Renascer Hall, o evento foi marcado por orações, louvores, histórias de superação, uma palavra inspiradora e um bate-papo esclarecedor com a especialista em mastologia, Dra. Monique Valois, sobre a campanha Outubro Rosa e as medidas preventivas contra o câncer de mama.

Diretamente da Renascer Flórida, nos Estados Unidos, a Bispa Fernanda Hernandes deixou uma mensagem de carinho para as participantes.


“O Mais que Vencedoras é realmente um projeto revolucionário que nos faz alçar voos altos e desenvolver um relacionamento profundo com Deus. Como Ele no controle de nossas vidas, não há motivos para termos medo!”, afirmou ela.


Acompanhe, a seguir, um resumo da palavra ministrada pela Bispa Sonia Hernandes:


1 Crônicas 20.1 a 4, 13 a 22: “ Depois disto, os filhos de Moabe e os filhos de Amom, com alguns dos meunitas, vieram à peleja contra Josafá. Então, vieram alguns que avisaram a Josafá, dizendo: Grande multidão vem contra ti dalém do mar e da Síria; eis que já estão em Hazazom-Tamar, que é En-Gedi. Então, Josafá teve medo e se pôs a buscar ao SENHOR; e apregoou jejum em todo o Judá. Judá se congregou para pedir socorro ao SENHOR; também de todas as cidades de Judá veio gente para buscar ao SENHOR.


Todo o Judá estava em pé diante do SENHOR, como também as suas crianças, as suas mulheres e os seus filhos. Então, veio o Espírito do SENHOR no meio da congregação, sobre Jaaziel, filho de Zacarias, filho de Benaia, filho de Jeiel, filho de Matanias, levita, dos filhos de Asafe, e disse: Dai ouvidos, todo o Judá e vós, moradores de Jerusalém, e tu, ó rei Josafá, ao que vos diz o SENHOR. Não temais, nem vos assusteis por causa desta grande multidão, pois a peleja não é vossa, mas de Deus.


Amanhã, descereis contra eles; eis que sobem pela ladeira de Ziz; encontrá-los-eis no fim do vale, defronte do deserto de Jeruel. Neste encontro, não tereis de pelejar; tomai posição, ficai parados e vede o salvamento que o SENHOR vos dará, ó Judá e Jerusalém. Não temais, nem vos assusteis; amanhã, saí-lhes ao encontro, porque o SENHOR é convosco. Então, Josafá se prostrou com o rosto em terra; e todo o Judá e os moradores de Jerusalém também se prostraram perante o SENHOR e o adoraram.


Dispuseram-se os levitas, dos filhos dos coatitas e dos coreítas, para louvarem o SENHOR, Deus de Israel, em voz alta, sobremaneira. Pela manhã cedo, se levantaram e saíram ao deserto de Tecoa; ao saírem eles, pôs-se Josafá em pé e disse: Ouvi-me, ó Judá e vós, moradores de Jerusalém! Crede no SENHOR, vosso Deus, e estareis seguros; crede nos seus profetas e prosperareis. Aconselhou-se com o povo e ordenou cantores para o SENHOR, que, vestidos de ornamentos sagrados e marchando à frente do exército, louvassem a Deus, dizendo: Rendei graças ao SENHOR, porque a sua misericórdia dura para sempre. Tendo eles começado a cantar e a dar louvores, pôs o SENHOR emboscadas contra os filhos de Amom e de Moabe e os do monte Seir que vieram contra Judá, e foram desbaratados.”

O medo é um espírito maligno, pois rouba, mata e destrói: oportunidades, relacionamentos, a paz, a alegria, a nossa disposição, o nosso ânimo...


E como ele age? Procurando territórios para ocupar e construir fortalezas baseadas em mentiras para nos impedir de avançar.


Guarde isso:


2 Timóteo 1.7: “Porque Deus não nos tem dado espírito de covardia, mas de poder, de amor e de moderação.”


Romanos 8.15: “Porque não recebestes o espírito de escravidão, para viverdes, outra vez, atemorizados, mas recebestes o espírito de adoção, baseados no qual clamamos: Aba, Pai.”


O medo foi o primeiro espírito maligno que se manifestou na terra depois que Adão e Eva deram ouvidos à serpente. Mas, primeiro, Satanás plantou sementes de dúvida no coração deles.


O medo vem para abalar nossa confiança em Deus!


O medo faz a gente enxergar o que é bom de uma maneira ruim!


O medo faz com que a gente tenha a pior leitura dos fatos e, consequentemente, as piores reações!


O medo, por exemplo, faz algumas pessoas enxergarem o elevador como a “caixa da morte”.


O medo transforma pessoas em prisioneiras dentro de suas próprias casas!


Já ouviu falar em fobias? São reações superdimensionadas diante de situações muito pequenas!


Mas, hoje, daremos um basta nisso, pois você é maior do que este medo!


Guarde isso:


Gálatas 5.1: “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou. Portanto, permaneçam firmes e não se deixem submeter novamente a um jugo de escravidão.”


O medo constrói fortalezas mentais... É o que chamamos de crenças limitantes...


São mentiras e falsas realidades que assumimos como verdadeiras...


Às vezes, deixamos de dar nossa opinião por medo do que os outros vão pensar...


O excesso de perfeccionismo é outro fator que limita muito... A pessoa pensa tanto em não errar, que acaba não tomando decisão nenhuma... Fica como está...


Você sabia que 98% da população mundial é assolada por algum tipo de medo. Os principais são:


1- Medo da pobreza;

2- Medo de críticas;

3- Medo de problemas de saúde;

4- Medo de perder um grande amor;

5- Medo da velhice;

6- Medo da morte.


Guarde isso:


O medo não impede ninguém de ficar pobre, de receber críticas, de ter problemas de saúde, de perder quem ama, de envelhecer ou de morrer...


O que resolve é tomar atitudes construtivas e desenvolver mecanismos internos para você não se abalar mais...


Por exemplo, se você tem medo de envelhecer, saiba que envelhecer é inevitável, mas que você pode envelhecer com saúde...


Se você fizer atividades físicas e ter uma dieta saudável, seu corpo e sua mente ficarão preservados...


Por exemplo, se você tem medo de ficar pobre, saiba que quem tem força e ânimo para trabalhar sempre terá comida na mesa!


Por exemplo, se você tem medo de críticas, crie filtros...


Se forem críticas de pessoas que querem que você cresça, leve em consideração e coloque em prática...


Se forem críticas destrutivas, descomplique sua vida: ignore e bloqueie...


E como vencer o medo? Como ele é um espírito, precisamos vencê-lo espiritualmente!


1 Coríntios 2.13: “Disto também falamos, não em palavras ensinadas pela sabedoria humana, mas ensinadas pelo Espírito, conferindo coisas espirituais com espirituais.”

Vamos fazer um exercício...


Escreva em uma folha de papel seus maiores medos e os porquês...


Pare e pense:


Será que tudo isso é maior do que Deus e do que Ele já fez na tua vida?


Com certeza, não!


Guarde isso:


Se o medo está ocupando um lugar no seu coração, é sinal de que o Espírito Santo não está...


Vamos mudar isso hoje? Vamos deixar o Senhor reassumir o controle completo de nossas vidas?


Levante o papel que você escreveu e declare: “Pai, eu quero entregar esse espaço nas Tuas mãos. Eu não aceito mais ser escrava destas situações, pois o Senhor me fez livre! Eu não permito mais que estas situações definam o que eu